No último dia 08 de fevereiro, o Ministro da Saúde, Ricardo Barros, esteve na sede da Associação Médica Brasileira, em São Paulo (SP), para reunião com representantes das entidades médicas e sociedades de especialidade. O encontro teve como objetivo discutir o programa Mais Médicos e projetos do Ministério na área da medicina. O diretor da Sociedade Brasileira de Clínica Médica, Mario da Costa Cardoso Filho, também esteve presente.  



Um dos destaques da reunião foi a abordagem efetuada pela SBCM quanto à preocupação com atrasos nos pagamentos dos salários, situação que chega a níveis críticos em algumas cidades do país. Em resposta, o ministro afirmou que o sistema de pagamentos e transferência de recursos vai mudar. No modelo de descentralização, o Ministério da Saúde irá repassar 80 bilhões para estados e municípios. Aqueles que não encaminharem os recursos adequadamente também terão que ser responsabilizados. “Hoje não há ônus para ninguém”, explicou.

Florentino Cardoso, presidente da AMB, ressaltou a disposição da entidade para trabalhar em prol do SUS, a fim de tornar o sistema mais eficiente e transparente. “Que consigamos atuar cada vez mais em conjunto, pensando juntos, para oferecer o que temos de melhor para a população”, afirmou.

 

RUA BOTUCATU, 572 - CJ. 112 - SĂO PAULO - SP - CEP 04023-061
TEL (11) 5908-8385 / E-MAIL: SBCM@SBCM.ORG.BR